THAÍS BASILIO

Estudo anatômico da mulher-máquina, 2020

Tinta acrílica sobre papel cartão.


Nascida na comunidade Barreira do Vasco, na Zona Norte do Rio de Janeiro, a artista Thaís Basilio vive no município de Belford Roxo desde os dois anos de idade até os dias de hoje. Cursou Artes Visuais na UERJ e pós-graduação em Linguagens Artísticas, Cultura e Educação no IFRJ. Desde 2008, participa de exposições e mostras artísticas, apresentando obras que partem de linguagens mais tradicionais, como a pintura, até as mais contemporâneas, como instalações e performances. Aprofundou os debates acerca de suas obras na Escola de Artes Visuais do Parque Lage. No início de 2021, foi selecionada para a mentoria artística promovida pelo Artistas Latinas. Atualmente tem se dedicado à pesquisa pictórica, flertando também com o campo ampliado da escultura. Desenvolve atualmente o conceito de “mulheres-máquinas”, temática atravessada pelas seguintes questões: mulheres, raça e trabalho, automatização e fabricação de subjetividades, robotização do corpo feminino, algoritmização da vida.

Instagram: @___thaisbasilio

artecomotrabalho